quarta-feira, 18 de janeiro de 2017

Municípios pedem socorro Ziulkoski alerta prefeitos sobre decretos de calamidade financeira: não é um ato jurídico



Mais 108 municípios brasileiros estão elaborando decretos de calamidade financeira para pressionar o governo federal a socorrê-los diante das dificuldades nas contas públicas, afirmou ontem o presidente da Confederação Nacional dos Municípios, Paulo Ziulkoski, em entrevista à Rádio Estadão.

Os decretos aumentam ainda mais o número de cidades que decretaram calamidade em busca de recursos. A dificuldade para pagar salários e honrar compromissos já levou pelo menos 62 prefeituras a decretar estado de calamidade financeira desde o ano passado - sendo 32 deles apenas neste mês de janeiro.

Nenhum comentário:

Postar um comentário