segunda-feira, 2 de novembro de 2015

Joelma acusa Chimbinha de tentar atirá-la de prédio Cantora disse ao Fantástico que constatou desvios de recursos da banda ________________________________________

Joelma estaria dramatizando em demasia esse episódio?

A cantora paraense Joelma, vocalista da Banda Calypso, quebrou o silêncio ontem à noite em entrevista exclusiva ao programa “Fantástico”, da Rede Globo, com declarações sobre a vida conjugal com o ex-marido e parceiro musical na banda, Chimbinha. 

Joelma afirmou que Chimbinha chegou a agredi-la e, mais que isso, tentou jogá-la do segundo andar de um prédio, em Recife (PE), motivado por crise de ciúme. A cantora disse que sofreu “várias traições” do ex-marido, mas observou que uma nova artista, Joelma Calypso, já nasceu. 

Ela o acusou também de desvio de dinheiro da banda para projetos paralelos. E admitiu ter doado uma fazenda, no interior, a uma igreja evangélica. “Ele já tinha me agredido no início de carreira. Eu tive que passar três dias trancada no quarto de um hotel até o meu rosto voltar ao normal. E, depois de três anos, ele tentou me jogar do segundo andar de uma casa, aqui em Recife”, afirmou Joelma. A cantora disse que não o denunciou antes “por vergonha de expor esse lado”.

 “Ele perdia o controle de uma maneira que ninguém conseguia controlá-lo. Ele não podia ser contrariado”. Joelma afirmou que sofreu “várias traições” de Chimbinha. “Não foi uma, foram várias traições, que eu perdoei. As mulheres que passam por isso vão me entender. Porque quando você descobre uma traição, o homem chora, pede perdão, e você o perdoa por causa da família, por causa de tudo que você construiu. Aí vem uma segunda traição...

 Tem uma hora que você não aguenta mais. Quando isso começou a afetar os meus filhos, o meu filho teve que se meter para ele não me bater, aí eu disse ‘chegou o ponto final”, assinalou. A ex-vocalista da Calypso disse que Chimbinha dirigia a vida dela, a carreira musical. “Ele marcava os shows e eu tinha que cumpri-los”, disse ela, afirmando-se arrependida de não ter estado mais presente com os filhos. Joelma afirmou ter descoberto irregularidades nas contas da banda. 

E declarou que não existe a menor possibilidade de retorno à situação anterior com Chimbinha. Antes mesmo da entrevista de Joelma ir ao ar, a polêmica envolvendo a Banda Calypso foi alvo de comentários na internet, como a de que a conversa com a ex-vocalista do grupo foi “segurada” pela emissora para ser exibida quase no final do programa.

 Outros comentários foram a favor e contra a traição que a cantora afirma ter sofrido por parte do ex-marido. A afirmação de que Chimbinha tentou jogá-la de um prédio despontou como um dos mais fortes temas abordados pela cantora na entrevista. Joelma deixou claro que está totalmente focada em seu novo momento musical, o da carreira solo como Joelma Calypso, inclusive, com um novo guitarrista. 

 CRISE A Justiça do Pará proibiu, em 11 de setembro, Chimbinha de ficar a menos de cem metros de Joelma com base na Lei Maria da Penha. Porém, Chimbinha voltou para a banda, porque o advogado do músico conseguiu derrubar a liminar uma semana depois, no dia 18. O ex-marido de Joelma, contudo, não apareceu em dois shows da banda que aconteceram em Palmas (TO) e Sítio Novo (MA). No dia 4 de outubro, Chimbinha teve de deixar o palco 20 minutos depois que Joelma demonstrou o desconforto com a presença do ex-marido. O músico foi hostilizado pelos fãs. Chimbinha apresentOU, no sábado, 31, em Belém, a nova cantora que dividirá o palco com ele: Thábata Mendes.

 O baterista Juquinha e o assessor Claudio Mello já anunciaram a saída da banda Calypso. Lançada em Belém (PA) no ano de 1999, a banda Calypso gravou 21 CDs e 7 DVDs em 16 anos de carreira, com mais de 15 milhões de cópias vendidas durante o período. O grupo alcançou indicações a prêmios importantes e participou de festivais internacionais. 

 O Liberal Digital! ________________________________________

Nenhum comentário:

Postar um comentário