domingo, 26 de outubro de 2014

Paraenses voltam às urnas 2º turno: Cinco milhões votam hoje para eleger governador e presidente ________________________________________ Por: SAMILLA BATISTA Da Redação

Mais de cinco milhões de eleitores voltam às urnas hoje para eleger o governador do Estado e o presidente do País. A expectativa do Tribunal Regional Eleitoral (TRE-PA) é que a votação transcorra de forma mais ágil que no primeiro turno, até pelo fato de o número de candidatos ser menor. Além disso, segundo o tribunal, os problemas que atrapalharam no primeiro turno foram tratados com prioridade, a fim de garantir a tranquilidade e a celeridade do pleito. 

A votação começa às 8 horas e termina às 17 horas. Vale ressaltar que o horário de verão não vale para as eleições no Estado. O resultado da apuração dos votos, no Pará, está previsto para ser divulgado às 22 horas. A antecipação do resultado será possível porque o tribunal aumentou o número de pontos de transmissão. Ao todo, são 479 pontos de transmissão, 25 a mais que no primeiro turno. Os novos pontos estão instalados no Marajó, por conta da grande incidência de chuva na região; na capital, por conta do fluxo intenso de veículos; e na região oeste, em virtude das secas dos rios.

 Dos pontos de transmissão, 339 são via satélite e 146 pelo JE Conect, tecnologia desenvolvida pela própria Justiça Eleitoral, que utiliza a estrutura e a rede da internet dos próprios locais de votação. Dos 464 pontos de transmissão utilizados no primeiro turno, menos de 1% apresentou problemas na transmissão de dados.

 CONTINGENTE O Estado conta com 5.188,450 eleitores, ocupando a 9ª posição do ranking entre os estados com maior contingente eleitoral nacional. São 15.999 seções eleitorais, das quais quatro são específicas para o voto em trânsito, possibilitando que um eleitor que esteja fora de seu domicílio eleitoral vote em outro município. Apenas no Estado, sete mil eleitores solicitaram voto em trânsito, somatória total de pedidos tanto para o 1º quanto para o 2º turno. 

Só poderão votar nessa modalidade os eleitores que requereram voto em trânsito entre os dias 15 de julho a 21 de agosto. O voto em trânsito contará novamente com cinco seções. Belém conta com três delas, sendo uma no Colégio Santo Antônio e duas no Instituto de Educação Estadual do Pará (IEEP). Em Ananindeua, a seção de voto em trânsito funcionará no Colégio Impacto, e em Santarém na Escola Professora Onésima Pereira de Barros. Também é expressivo o número de eleitores que votam biometricamente nestas eleições. São 600 mil em todo território paraense, que votarão em nove municípios, os quais são: Curuçá, Terra Alta, Ananindeua, Paragominas, Barcarena, Castanhal, Capitão Poço, Capanema e Peixe-Boi.

Ao todo, o Estado conta com 104 zonas eleitorais, sendo 11 delas apenas na capital, e com 425 locais de votação. A biometria, no entanto, não substitui a apresentação de documento original com foto. Em todo o Pará, são 20 mil urnas, sendo 15 mil urnas de seções eleitorais e as demais de contingente, as quais serão utilizadas caso haja algum problema ao longo da votação. Desse total, 2.300 são destinadas à capital. Para ler a matéria completa, 

 O Liberal Digital!

Nenhum comentário:

Postar um comentário