sábado, 13 de setembro de 2014

Marina vence Dilma no 2o turno Pesquisa aponta que Marina tem 43% e Dilma, 42% da intenção de votos

Pesquisa Ibope, contratada pela Confederação Nacional da Indústria (CNI), divulgada ontem mostra que a diferença entre as candidatas mais bem colocadas no primeiro turno caiu de 7 para um ponto porcentual num eventual segundo turno da semana passada para cá. 

Marina está bem cotada para desbancar Dilma Roussef

A candidata do PSB, Marina Silva, tem 43% das intenções de voto contra 42% da candidata do PT, a presidente Dilma Rousseff. No levantamento anterior, Marina tinha 46% contra 39% de Dilma. Brancos e nulos oscilaram de 8% para 10% e indecisos oscilaram de 6% para 5%. 

Em um outro cenário, em que o candidato do PSDB, Aécio Neves, enfrenta a presidente Dilma, a diferença em favor da petista oscilou de 13 para 15 pontos. Dilma passou de 47% para 48% e o tucano oscilou de 34% para 33%. Brancos e nulos oscilaram de 11% para 13% e indecisos oscilaram de 8% para 6%. Para o primeiro turno, a pesquisa mostra Dilma com 39% das intenções de voto e Marina com 31%. Aécio Neves aparece com 15%.

 Os demais candidatos somados acumulam 2%. Brancos e nulos somam 8% e indecisos, 5%. A pesquisa divulgada ontem foi realizada entre os últimos dias 5 e 8, antes portanto da pesquisa Datafolha divulgada na última quarta-feira (10) e realizada entre os dias 8 e 9. O levantamento do Ibope foi divulgado somente ontem por opção do contratante, a CNI. A pesquisa Datafolha divulgada na quarta mostrou Dilma com 36%, Marina com 33% e Aécio com 15%.

 Na pesquisa anterior do Ibope, do último dia 3, Dilma tinha 37%, Marina, 33%, e Aécio, 15%. O percentual de indecisos era de 5% no último levantamento e o dos que disseram que votarão nulo ou em branco era de 7%. A pesquisa Ibope contratada pela CNI entrevistou 2.002 eleitores em 144 municípios de todo o País entre os dias 5 e 8 de setembro. A margem de erro máxima é de dois pontos porcentuais para mais ou para menos, em um nível de confiança estimado de 95%. Ou seja, se fossem feitas 100 pesquisas idênticas a esta, 95 deveriam apresentar resultados dentro da margem de erro. A pesquisa foi registrada na Justiça eleitoral com o número BR-00593/2014.

 O levantamento Ibope anterior, da semana passada, foi encomendado pelo Estado e pela rede Globo. (Com informações da Agência Estado e Portal G1). REJEIÇÃO De acordo com a pesquisa, Dilma Rousseff tem a maior taxa de rejeição (percentual dos que disseram que não votam em um candidato de jeito nenhum), com 42%. Nesse quesito, o entrevistado pode indicar mais de um candidato.

 A CNI divulgou somente as taxas de rejeição de Dilma, Aécio (35%) e Marina (26%). 

 O Liberal Digital! 

Nenhum comentário:

Postar um comentário