segunda-feira, 8 de setembro de 2014

DESFILE DE 7 DE SETEMBRO TEVE PROTESTOS DA ESCOLA BENEDITO CORREA DE SOUZA CONTRA A PREFEITA ELIENE NUNES.

PROFESSORES  PROMETEM DAR TROCO NAS URNAS...

Fechando a semana da Pátria, domingo dia 07, 21 escolas se fizeram presentes na Av.Getúlio Vargas. Como ocorre em todos os anos novamente o atraso das escolas fez com que o desfile terminasse por volta de zero hora.  O 53º BIS abriu a programação às 17 horas, seguido pela Policia militar e depois Corpo de bombeiros. 

CRÍTICAS A FALTA DE CONSCIÊNCIA  POLÍTICA QUE AINDA IMPERA EM ITAITUBA

Em  meio ao desfile caiu uma chuva repentina que retardou ainda mais o desfile, no momento em que a Escola Duque de Caxias adentrava a Avenida. O encerramento da programação foi feito pela Faculdade de Itaituba que mais uma vez brilhou na avenida demonstrando os avanços e a importância que a instituição vem tendo para Itaituba e região com a implantação,  de diversos cursos em nível superior. 

Todas as escolas trouxeram faixas com frases alusivas ao tema oficial da Campanha esse ano que foi  o tema A Paz é o Caminho, de autoria do pacifista Mahathama Gandi, um indiano que evitou uma guerra apenas com ações pacifistas. Mas outros temas pontificaram nos três dias de desfile aqui em Itaituba ,  sendo eles violência no Trânsito, leitura, família. 

A IFPA fez um protesto silencioso in memorian  de uma aluna morta em acidente de trânsito quando sua moto BIZ colidiu com uma caminhonete que vinha em sentido

contrário na Rod. Transamazônica.

 Eles entraram vestidos de preto e sem acompanhamento de banda como maneira de chamar atenção do publico e das autoridades no palanque para o que consideram
problema grave o Trânsito em Itaituba. 

A 17ª Escola a entrar na Avenida foi Benedito Correa de Souza, de Ensino Médio que trouxe duas faixas de protesto
curso de enfermagem é destaque na FAI
criticando o que considera descaso e falta de gestão para o setor educacional. As faixas diziam “sobre calado, povo humilhado e a resposta sobre o silencio reina a paz, mas o povo dará nas urnas. Os professores não esqueceram o episódio contra a Mão Cooperadora e outros presentes de grego que a prefeita já deu a categoria neste mandato. 

professor Abel, Diretor geral da FAI desfilando com sua esposa na av.Getúlio Vargas

As escolas trouxeram beleza e criatividade para a avenida entre elas a Marechal Rondon e o Centro Educacional Anchieta que já tem uma tradição de desfilar com glamour.

bailarinas em bela performance

 Os professores entraram mostrando as faixas ao público,  mas quando passaram em frente ao palanque ao invés da leitura de faixas pelo locutor do evento, sua leitura foi
tema desse ano versou sobre a PAZ
censurada e colocaram um hino para esconder o ato de manifesto que mesmo assim não passou despercebido do público que inclusive aplaudiu entusiasticamente em apoio aos
professores que tiveram a coragem de não se calar perante o que consideram desmandos e autoritarismo da prefeita.

Nenhum comentário:

Postar um comentário