domingo, 7 de setembro de 2014

CURTAS & BOAS

EFEITO TPE
 O efeito TPE (tensão pré eleitoral), fez com que Diomar Figueira que sempre um teve um discurso morno e neutro resolvesse atacar o presidente da Câmara Wescley Tomaz dizendo que está sendo discriminado, uma espécie de patinho feio entre os vereadores pois seu gabinete está a pão e água,  sem tinta para impressora, material de expediente etc...Mas como o tom de suas criticas foram ácidas e pesadas teve troco.

Dizem as más línguas ferinas, que tudo isso tem o dedo da prefeita que não engole o fato de Wescley ter saído candidato e não ter dado apoio ao Ferrari,  candidato ungido dela,  que nunca plantou um pé de couve em Itaituba.  Será? 

TRILHA SONORA DE VALDIK SORIANO CAIRIA BEM. EU NÃO SOU CACHORRO NÃO...

 Mas o presidente da Câmara Wescley Tomaz não deixou barato e revidou na lata afirmando que não iria parar no caminho para jogar pedra em cachorro. O presidente fez uma breve prestação de contas contestando as denuncias feitas por Diomar Figueira. Já seria o clima de disputa da presidência da Câmara? O atual presidente disse que está fora de um novo mandato. 

YES NÓS TEM TEMOS BANANAS NA MESA E NAS URNAS TAMBÉM...

 A Coqueluche do momento na imprensa tupiniquim está sendo a banana,  depois do episódio risível onde crianças de rede pública de ensino estão consumindo só banana com farinha na merenda escolar quando o município deveria garantir um cardápio diário porque verba tem e muita para isso. 

Pode parecer bobagem, mas esse e outros tipos de episódio vão cada vez mais aumentando a já grande rejeição política de Eliene Nunes para um novo mandato,  já estão chamando sua gestão de mandato bananeira do tipo que só vai dar um cacho. ... Em se tratando de uma professora que já foi secretaria de educação por dois mandatos consecutivos isso é um fato imperdoável, principalmente para quem está com o prestígio político crescendo igual rabo de cavalo,  isso é mal sinal, pior do que da TIM que só vive fora de área.

 PALANQUE VAZIO DE AUTORIDADES Não passou despercebido o fato de que a prefeita esta cada vez mais sem prestígio político. O termômetro maior foi a grande ausência de autoridades que normalmente compareciam a solenidade da semana da pátria.  Nem os vereadores da base da prefeita estiveram presentes com exceção de Diomar Figueira. Será que é medo de serem também atingidos pela forte rejeição política da prefeita? 
 ITAITUBA UMA CIDADE FARTA DE TUDO

 Falta dinheiro, falta atitude da prefeita que ao invés de resolver os problemas que surgem radicaliza e faz de conta que não é com ela.  Falta gestão, falta planejamento, falta rumo, falta articulação política num governo que ao invés de juntar espalha aliados.  Alias que ela nem tem mais aliados, todos já pularam fora da nau sem rumo. O que não falta é desculpas para a incompetência, pois todo erro ela atribui aos ex prefeitos, como se o povo fosse abestado para acreditar nisso.

 Se o ex prefeito Valmir foi tão ruim assim porque será que ela está remontando sua base política com pessoas que trabalharam com Valmir Clímaco?  2016 está vindo ai e ela vai debitar sua conta política nas urnas.  Por sinal que ela está mais com déficit, do que com superávit de votos, pois o clima político na cidade em relação a ela é de verdadeiro velório.   Os empresários que o digam,  a crise braba que compromete seus investimentos.Por falar em empresário ainda estão enrolando o empresário magrão, aquele que montou acampamento em frente a casa da "Sei fazer e vou fazer,  só ainda não descobri como"

Critícas ou comentários (desde que não sejam imbecis) enviar para-  E-meio-  nazarenopoeta@hotmail.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário