domingo, 5 de maio de 2013

Mais 14 partidos pedem passagem

Mais 14 partidos pedem passagem Eleições 

Este é o número de legendas que pedem representação ao TRE do Estado O horário político vai ficar mais apertado nas eleições de 2014. Isso é o que vai acontecer se todos os partidos que estão em processo de formação conseguirem o registro no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) até 5 de outubro deste ano. O que está em fase mais adiantada, segundo a Corte Superior Eleitoral, é o Partido Liberal Brasileiro (PLB). Mas, pelo menos outros 28 estão em fase de coletas de assinaturas Brasil afora.

 Destes, 14 estão com processo de representação no Pará. O processo de criação de um partido político no Brasil é complexo e começa pelo registro como pessoa jurídica em cartório no Distrito Federal; a coleta de assinaturas e posterior análise do pedido pelos Tribunais Regionais Eleitorais (TREs) de pelo menos nove estados; além do registro definitivo no TSE. Dentre as exigências a serem cumpridas estão: a obtenção do apoio de, no mínimo, 0,5% do eleitorado que votou na última eleição geral para a Câmara dos Deputados, não computados os votos brancos e nulos; a distribuição deste eleitorado em pelo menos um terço dos estados brasileiros; a representatividade de, no mínimo, 0,10% do eleitorado que votou em cada um desses estados. A considerar os números da eleição de 2010, última eleição geral no País, para ter caráter nacional, partido precisa recolher aproximadamente 490 mil assinaturas em pelo menos nove estados. 

E se o Pará for um desses estados contemplados, é preciso que o partido tenha o apoio de quase 4 mil eleitores. Porém, mesmo com todas estas exigências, esta é uma tendência em franca ascensão no Brasil. Para se ter uma ideia, em maio de 2011, cinco partidos entraram com pedido no TRE do Pará. Em maio de 2013, eles já eram 14. 

Atualmente, todos estes estão em fase de coleta de assinaturas pelos municípios paraenses. São eles: Solidariedade, Partido Novo (Novo), Partido Cristão (PC), Partido Cristão Nacional (PCN); Partido Carismático Social (PCS). Partido do Desenvolvimento Nacional (PDN); Partido Ecológico Cristão (PEC); Partido da Justiça Social (PJS); Partido da Mulher Brasileira (PMB); Partido Militar Brasileiro (PMB); Partido Republicano da Ordem Social (PROS); Partido Social (PS); Partidos dos Servidores Públicos e dos Trabalhadores da Iniciativa Privada do Brasil (PSPB) e o Partido da Transformação Social (PTS).  

Fonte- O Liberal Digital.

Nenhum comentário:

Postar um comentário