terça-feira, 29 de janeiro de 2013

ENCONTRADO CORPO DA JOVEM VITIMA DE NAUFRÁGIO SÁBADO ÚLTIMO

Corpo da jovem vítima chergando em Itaituba Foto Junior Ribeiro

Uma dupla tragédia terminou em morte de pai e filha, sábado dia 26. As vítimas foram Cabo da reserva do Exército Massite Nunes Lisboa(46) e Adélia Henriqueta Figueira Lisboa(17).  O resgate exigiu ação de equipes de busca e salvamento do exército O acidente com naufrágio aconteceu, quando pai e filha sábado dia 26 ao encontrarem um bezerro morto resolveram jogá-lo no rio. 

Para isso eles colocaram o bezerro em uma embarcação de pequeno porte e pelo excesso de peso quando estavam jogando o animal no rio, ocorreu o naufrágio. Com sacrifício apoiada por um uma pessoa presente no local no momento da tragédia, ela conseguiu ainda salvar o irmão de oito anos, mas não resistiu à fúria da correnteza e foi tragada pelas águas do Rio Tapajós. Acionado o Corpo de Bombeiros, com apoio de mergulhadores durante o sábado se mobilizaram no resgate dos corpos, mas em face da forte correnteza e pela profundidade das águas a busca mesmo incessante foi interrompida família e vários vizinhos abalados apoiavam as buscas as buscas. 

Adélia-   Foto Junior Ribeiro
Cabo da reserva também moreu no naufrágio-Foto Junior Ribeiro

Kauã, que conseguiu sobreviver ao naufrágio ficou em casa. Chorando muito, a esposa do cabo era consolada pela vizinhança. Na manhã de domingo dia 27 foram reiniciadas as buscas . quando o fundo do rio foi vasculhado por quatro mergulhadores em busca dos corpos do cabo e de sua filha. Além dosa bombeiros homens do 53º Batalhão de Infantaria do Exército também deram apoio nas buscas, quando se dirigiram a Comunidade Nazaré local do naufrágio. Após intensas buscas a 250 metros de onde havia desaparecido foi encontrado o corpo do cabo da reserva.

 A intenção do grupo era encontrar também a menina, mas, à medida que o tempo passava, esgotava-se a esperança de encontrar a moça ainda com vida.  O corpo do cabo Lisboa foi trazido para Itaituba, onde foi deixado no necrotério do Hospital Municipal para procedimento de necropsia.

 Já O corpo da jovem foi encontrado as proximidades de Barreira já as proximidades de Aveiro e resgatado pelos bombeiros após ser encontrado por pescadores  nesta terça feira dia 29.  Ela já estava em decomposição em face de ter passado das 48 horas. Adélia foi sepultada em meio a comoção dos familiares e amigos chocados com a tragédia.

Nenhum comentário:

Postar um comentário