sábado, 30 de junho de 2012

EDITORIAL- POR ENQUANTO O JOGO AINDA ESTÁ 1x1

Hoje sábado dia 30 deve se consolidar oficialmente quem fica com quem nesse labirinto de tanto"disse-me disse" sobre as alianças políticas. Tudo que se escrever antes do fechamento das atas poderá passar de fato a boato. A noiva mais cortejada até o momento tem sido o PPS, que ora está com o PSD, ora com o PMDB,  tanto que estrategicamente os horários das convenções foram modificados. Será que alguma noiva vai dar bolo no pretendido, fugindo do sim definitivo?. Até que a incoerência nos separe vamos pagar pra ver.

Mas será que ainda existe"Ideologia politica"?  O povo ainda consegue discernir sobre partido de esquerda, de direita, de centro. Qual a posição do PT hoje por exemplo alguém saberia ? Na política ha duas convergências, uma a do rolo compressor  do poder econômico e a outra do voto consciente. Em percentuais quem tem mais poder de decisão?

As alianças são importantes mas é preciso lembrar que nem sempre quantidade signica algo porque atulamente  no Brasil os partidos perderam sua finalidade, tornaram-se mercadorias  onde os membros filiados são os últimos a saber é no final prevalece a máxima de manda quem pode e obedece quem tem juizo. Esse negócio de reunião para deliberar isso ou aquilo não passa de mera encenação(e não incenação como alguns gramaticidas andam praticando por ai)  porque as regras do jogo já estão definidas. Ai se pergunta o que seria  essa tão falada democracia politica?

O PR faz sua convenção as 19 horas na Cãmara. Antes do fechamento das atas teremos quantos candidatos de fato e de direito?  O ex prefeito Roselito Soares chegou e pelo visto já optou pelo PSD numa  tentativa de unir forças partidárias, mas como tudo ainda é possível muita coisa ainda pode mudar até o fechamento da ata nesse nem ata nem desata das negociações surpresas.

 Qualquer análise ou opinião dos especialistas politicos de botequim pode soar como falácia, porque a bizarrice dos partidos por si só já serve como arranjo desse cenário confuso e distante do entendimento Popular.

O PSB nesse jogo de"Trairagem explicita ou não" foi o único partido que se manteve ligado em sua coerência de tentar forrtalecer um grupo forte de oposição ao prefeito que além do peso da máquina tem muita munição financeira e isso pode ser decisivo ou não, mas faz a diferença. Pra finalizar diria que entre os oportunistas, os muristas, os vendedores de ilusão política , os serviçais do poder, e os de pés no chão, por enquanto até que a ata nao seja fechada entre mortos e feridos escaparam todos. Por enquanto que fique bem claro.


Nenhum comentário:

Postar um comentário